14

 

essa chuva

ela nunca vem sozinha

e nunca vem com boas intenções.

 

quando não é tristeza é frio.

 ela passa essa chuva.

mas nunca passa sozinha.

deixa sempre uma cama desarrumada,

uma janela com lembranças,

uma poça pedindo água.

.

Anúncios

4 Respostas to “14”

  1. Putz! Parece aquele poema sem intenção, que sai obra-prima. Adorei essa cama desarrumada, inda mais a poça pedindo água. Parabéns, Seu Seba (queria ter sido eu – hehe)

    Moço: fiz orkut para conhecer os blogueiros e te add, mas nada!

  2. faço coro…
    e ainda, como eu to aqui, posso dizer que nada mais de acordo com os acontecimentos…
    rs

    abrasssssssss

  3. Vale dizer que amo tempestades, chuvas e águas…..
    Me ajudam a lembrar as coisas.
    😉
    Beijucas

  4. tilin tilin, a chuva vem de mansim

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: